Menu Fechar

2021: um ano de dificuldades, Esperança, Superações e Vitórias.

Em 2021, o objetivo dos Social-Democratas do Funchal só pode ser um: retomar a liderança da Câmara Municipal do Funchal e conquistar todas as 10 freguesias da capital Madeirense. Honrando o legado deixado pelas gerações anteriores e o nosso ADN partidário e ideológico, não nos podemos contentar com meias vitórias e não será agora que começaremos a fazê-lo.

Desengane-se quem perspetiva que as vitórias se efetivam somente através dos nomes e da força dos nossos candidatos políticos. Não podemos cometer o erro de remeter para segundo plano a imperiosidade das nossas estruturas locais e de todos os nossos militantes se unirem e se comprometerem face a este propósito comum. Apenas um Partido Social Democrata mobilizado, organizado, com uma visão estratégica, unido, coeso e próximo da sociedade civil é que conseguirá vencer em 2021 e atingir o seu maior propósito – recuperar o Executivo Camarário e, subsequentemente, voltar a dar aos Funchalenses um rumo assente na sustentabilidade governativa e na promoção de políticas estruturais diretamente e significativamente correlacionadas com o fomento da qualidade de vida dos nossos concidadãos.

Bem sabemos que, não obstante de as eleições autárquicas se desenvolverem no final do presente ano, o atual agravamento do quadro pandémico na Região e na nossa capital encaminhar-nos-á para um rumo que, obrigatoriamente, nos levará a efetuar grandes alterações na estratégia que, até agora, norteava as nossas iniciativas de proximidade face às nossas populações e às instituições que as suportam e, paralelamente, nas tradicionais ações de campanha no terreno que tantas vitórias nos deram no passado. É desta forma que temos de reajustar as nossas intervenções às especificidades atuais e apostar na formação política e na responsabilização de todos os militantes enquanto disseminadores efetivos dos nossos valores e ideologia partidária.

É imperioso que se promova a inclusão dos mais jovens nas iniciativas do partido com vista a formarmos novos quadros com a capacidade de se tornarem autarcas exímios a fazer aquilo que os quadros do PSD-M sempre souberam fazer: promover a proximidade do partido face às populações, auscultando-as e procurando suprir as suas necessidades sem sensacionalismos e promessas estéreis. Caber-nos-á a nós, à juventude do nosso partido, perpetuar o PSD enquanto a única estrutura política que coloca a RAM e os superiores interesses do Nosso Povo acima de todos e quaisquer interesses.

Para o ano de 2021, contaremos com 97 jovens organizados pelos 10 núcleos de freguesia do nosso concelho e, inequivocamente, temos a convicção de que muitos outros juntar-se-ão às nossas causas. A Juventude Social Democrata do Funchal está, mais do que nunca, empenhada em demonstrar que pode dar um real contributo à nossa cidade. 14 dias após as Eleições para a Comissão Política da JSD Funchal, e antes de qualquer tomada de posse dos nossos órgãos locais, já tínhamos conseguido mobilizar 50% dos nossos núcleos de freguesia através da realização de 7 atividades de proximidade onde contribuímos para as causas de 11 instituições de solidariedade social que suportam as nossas populações neste período inóspito. Criámos equipas multidisciplinares, ecléticas, qualificadas, irreverentes, corajosas, determinadas, humildes e sem medo de irem à rua para ouvirem as populações e demonstrarem, com toda a convicção e orgulho nas nossas raízes ideológicas, as suas crenças e o rumo que querem dar à juventude e ao Funchal. Todos estes militantes sabem que não foram escolhidos apenas para fazer número e abanar bandeiras nos momentos de campanha. A vitória do PSD no Funchal iniciou-se quando conseguimos agregar estes jovens que não têm medo de sonhar e de dizer “presente” na hora de defender, junto das populações, propostas e medidas despoletadoras das oportunidades que o nosso povo merece. É desta forma que apostaremos seriamente na formação política de todos estes jovens e, em igual medida, na aproximação dos mesmos às diferentes Comissões Políticas de Freguesia para que, juntamente com os quadros seniores do partido, se possam inteirar sobre as especificidades das suas localidades e serem agentes da urgente transformação que o Funchal necessita de efetivar.

Este é o momento para demonstrarmos que a Social Democracia é a resposta para o presente e, acima de tudo, é a resposta para o futuro. O Funchal merece todo o nosso esforço e compromisso diário em concretizar políticas estruturantes que, tal como muito bem sabemos, são diariamente defraudadas por uma desgovernação sensacionalista que apenas se remete a vocalizar promessas estéreis e desnutridas de qualquer aplicabilidade prática.

Tal como disse o Secretário-Geral do PSD-M, “o paraíso não se apregoa, constrói-se”. E nós estamos cá para isso.

Os Funchalenses merecem mais e melhor. O Funchal merece respeito e compromisso. Os jovens merecem desenvolver um projeto de felicidade no seu concelho. O Funchal tem de sair da situação de abandono e desprestígio. Os Funchalenses não podem continuar a ver as suas expetativas serem defraudadas pela incapacidade que desgoverna a nossa cidade.

Este é o momento de recuperarmos a capital, contra a demagogia gasta e a propaganda política.
Este é o momento de darmos aos Funchalenses a Governação que merecem e tanto anseiam.
Este é o momento de irmos em frente.

Viva a JSD!
Viva o PSD!
Viva o Funchal!

Marco Mata Pereira
Presidente da JSD Funchal

#LiderarParaTi

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *